Principais curiosidades sobre Fisioterapia para você saber

Fisioterapia em casa
Atendimento com fisioterapeuta

Que a Fisioterapia  ajuda na reabilitação e na manutenção da saúde das pessoas, a maioria das pessoas já sabe, mas existem alguns fatos que poucos sabem. Pensando nisso, resolvemos reunir algumas curiosidades e informações sobre essa área.

Um pouco da história da Fisioterapia

Os primeiros registros da Fisioterapia demonstram que a terapia surgiu com as tentativas de ancestrais de diminuir a dor esfregando o local.

Como profissão, a área se desenvolveu em meados do século XX quando as duas principais guerras mundiais levaram a um grande número de feridos e lesões, o que provocou  a necessidade de abordagem de reabilitação de pessoas para inseri-las novamente à vida.

No Brasil, o primeiro curso de Fisioterapia foi criado em 1950, na  Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, como um curso técnico, com duração de 1 ano. Somente em 13 de Outubro de 1969 que passou a ser reconhecida como curso superior.

Massagem na Fisioterapia

A massagem é uma das técnicas usadas pelos fisioterapeutas como forma de fazer uma mobilização do local. Ela ajuda a aliviar dores; diminuir a tensão muscular; remover contraturas musculares, aumentar amplitudes articulares, além de relaxar o corpo e promover o bem estar.

Gelo ou bolsa de água quente em lesão

Bolsa de água quente
Paciente com bolsa de água quente

Embora os dois métodos sejam eficientes, antes de escolher o tratamento é preciso levar em consideração fatores como: qual é a causa da dor( lesão, queda, esforço repetitivo, etc); quando ela começou ( se é uma dor nova ou recorrente)  e se está inchada.

A bolsa de gelo normalmente é indicada para situações que acabaram de acontecer tais como uma queda, pancada ou lesão muscular, sendo recomendada para as primeiras 48h do trauma,  já a bolsa de água quente é usada para lesões mais crônicas e contraturas em qualquer região.

Leia também: Fisioterapia para idosos: importância, benefícios, tipos e mais

Por que os médicos indicam 10 sessões de Fisioterapia?

Quem já precisou procurar por um médico ao sofrer alguma lesão ou por sentir uma dor crônica e recebeu como orientação procurar por um fisioterapeuta, com certeza recebeu uma guia com a indicação de que era preciso fazer 10 sessões de Fisioterapia. Essa quantidade, que parece ser igual para todos, na verdade, é um número padrão utilizado pelos médicos. Isso ocorre porque os profissionais são orientados pelos planos de saúde a passarem essa quantidade para facilitar o cálculo e o pagamento dos procedimentos realizados.

Na verdade, o número de sessões que o paciente precisa vai variar de acordo com o quadro apresentado. Há pessoas que irão se recuperar com menos sessões, enquanto que outras vão precisar de mais. Por isso, caberá ao fisioterapeuta avaliar o caso e definir a quantidade de vezes em que será necessário fazer o tratamento.  

Leia também o post sobre fortalecimento muscular

Fisioterapia em domicílio não é só para idoso

A maioria das pessoas, ao procurar por um tratamento fisioterápico, procura por clínicas por acreditar que o fisioterapeuta que atende em casa só atende idosos e pessoas com dificuldades de locomoção, mas na verdade qualquer pessoa pode buscar por esse tipo de serviço, uma vez que o profissional usará as mesmas técnicas e instrumentos que seriam usados numa consulta tradicional.

A Fisioterapia em domicílio além de oferecer um tratamento personalizado, procura se adequar ao horário e rotina do paciente.

Precisando de um fisioterapeuta que atenda em casa? Entre em contato com a RB Fisioterapia e Acupuntura e agende uma consulta. Atendemos de fisioterapia em Niterói, São Gonçalo e no RJ.

Quer receber conteúdos com dicas de saúde direto no seu Whatsapp ? Inscreva-se gratuitamente.